terça-feira, outubro 14, 2008

A “PANTUFADA”

Doce palavra esta!
Foi, talvez há mais de vinte anos que, tanto quanto posso recordar, a ouvi, fixei na memória e devo uma imensa gratidão à senhora que a pronunciou .
No tempo, pré Abecassis, ainda circulavam autocarros na Rua Augusta. E com que velocidade o faziam!
Havia várias paragens ao longo da Rua, o trânsito fazia-se no sentido Sul Norte e os carros que circulavam pelo meio da rua, ao aproximar-se da paragem, inflectiam para o passeio à beira do qual se organizavam as filas de espera.
Assim, como habitualmente acontecia, era eu um dos pacientes candidatos a passageiros.
A umas dezenas de metros mais diante da “minha” paragem havia uma outra para a qual se dirigia em grande velocidade, um autocarro, muito rente ao passeio para facilitar a abordagem,
Como as pessoas daquele tempo se lembrarão, o perfil da rua ere abaulado pelo que os carros vindo junto ao passeio, faziam com que o espelho retrovisor, uma peça de razoável dimensão, ultrapassasse o limite do passeio.
Subitamente sinto-me puxado para trás com violência e vejo passar no sítio onde momentos antes estivera minha pobre cabeça, que já lá não estava, e que aliás nem estaria mais, se uma senhora me não tivesse salvo a vida com o seu povidencial puxão, acompanhando o generoso gesto com o mais do que apropriado comentário: “ o senhor ia levando uma pantufada!”
O que são as contradições humanas! Já me não lembro da senhora, mas não esqueci a palavra; não mais usei chinelos.
Calço pantufas...

8 Comments:

Blogger Flip said...

Tenho o grato prazer de informar V. Exa. de que foi premiado pelo modesto blog Flipvinagre, um seu leitor atento (http://flipvinagre.blogspot.com/)

Obrigado e Parabéns.

12:01 da manhã  
Blogger Eduardo Santos said...

Olá amigo! Pela primeira vêz e entrei de "pantufas" - um pouco diferente de pantufada - para apreciar o seu espaço. Confesso que gostei. Que tenha muita saúde e nos continue a brindar com as suas histórias (ou estórias? Tanto faz. Saudações amigas.

6:52 da tarde  
Blogger Barão da Tróia II said...

Viva a pantufa, ainda que anda por aí muito bom traseira aprecisar é de uma valente botifarrada. Um abraço bom fim de semana.

9:32 da manhã  
Anonymous Ana Isabel said...

Que sorte ter escapado a essa pantufada. Sorte também a nossa que ganhámos este delicioso blog :)
BEM-HAJA!

9:03 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Meu Caro João Silva: Descubro-te nas páginas da revista "O Tempo Livre", da INATEL.
Vivo, desde que regressámos, em Lagos,Algarve.
Recordo os inúmeros encontros, em Angola, onde quer que houvesse nitícias, nem que fossem forjadas pelos poderosos da época. As grandes viagens pelo mato, percorrendo as picadas infindáveis, cheias de lama ou de areia seca, emocionantes para quem conduzia.
O meu endereço de email: csanches@netvisao.pt
Parabéns pela tua obra. E já agora: algumas daquelas histórias que contavas na época, eram Rocha Xenaider???!!!
Um grande abraço do
Carlos Sanches

11:09 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Olá!


Parabéns pelo blog!

Chamo-me Cláudia , tenho 29 anos e sou do Porto, Portugal.

Neste momento, encontro-me a realizar uma investigação de mestrado, com o intuito de verificar se a utilização da internet pode aumentar a qualidade de vida dos idosos.

Gostaria de saber se poderia participar nesta investigação, com a realização de uma pequena entrevista. Se estiver disponível, poderei enviar por email um conjunto de perguntas.

A sua participação seria de extrema importância para o êxito da minha investigação.

Sem mais, apresento os meus melhores cumprimentos.

Cláudia Pereira

6:35 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Boa noite.

Deixei-lhe uns comentários no seu magnífico post "Carapaças".
Agradecia imenso que me contactasse através do sandbm@hotmail.com caso tenha sido mesmo amigo do Dr.Bonfim de que falou mais atrás (cirurgião, esteve em Luanda durante alguns anos, regressou mais tarde a Lisboa e exerceu também no Hospital Egas Moniz). Como já disse, era muito importante para mim.

Obrigada e cumprimentos,
Sandra.

8:33 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Good day, sun shines!
There have were times of hardship when I didn't know about opportunities of getting high yields on investments. I was a dump and downright stupid person.
I have never imagined that there weren't any need in big initial investment.
Now, I'm happy and lucky , I started take up real income.
It gets down to select a correct partner who utilizes your funds in a right way - that is incorporate it in real deals, parts and divides the income with me.

You may ask, if there are such firms? I have to answer the truth, YES, there are. Please be informed of one of them:
http://theinvestblog.com [url=http://theinvestblog.com]Online Investment Blog[/url]

1:22 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home